Descrição

Agastya Sen é um indiano de 24 anos que inicia sua vida profissional no serviço público, seguindo os passos do pai e de boa parte da elite de seu país. Acostumado à vida nas megalópoles de Calcutá e Nova Delhi, ele é enviado para a provinciana Madna – cidade quentíssima onde fará seu treinamento em administração distrital. Este é o ponto de partida de Inglês, August, de Upamanyu Chatterjee, romance de formação frequentemente comparado a O apanhador no campo de centeio, de J. D. Salinger, e best-seller quando lançado na Índia, em 1988. O livro foi a estreia de Chatterjee, e esta edição é o primeiro volume do escritor com tradução no Brasil, feita por José Geraldo Couto. 

Num estilo transbordante de sarcasmo e observação humana, Chatterjee acompanha, sem moralismo nem condescendência, os meses de aprendizado de Agastya, marcados por desatenção ao trabalho e uma insistente sensação de irrealidade. Colaboram para esse estado de espírito o consumo febril de maconha e álcool, além da atividade onanista e da curiosidade exacerbada pelos mais variados tipos de mulheres. Para espantar o tédio, Agastya mente sobre a sua própria história. Em diferentes ocasiões, diz que é casado com uma norueguesa muçulmana, que escalou o Everest ou que matou a própria mãe.  

Em contraste com a aflição diante da burocracia e das queixas da população nos escritórios governamentais, Agastya tem facilidade em fazer amigos e frequentar as reuniões em torno de jantares e do chá da tarde. Por causa de seu nome incomum, os locais preferem chamá-lo de Inglês, dada sua habilidade no idioma dos antigos colonizadores, ou pelo apelido de August. Ele é “um indiano não autêntico, um ocidental não autêntico”, como observa no posfácio o premiado escritor indiano Akhil Sharma. Num trecho do romance, Chatterjee resume a tragicomédia de Agastya: “Não havia um único pensamento em sua cabeça sobre o qual não se sentisse confuso”. 

O livro, escrito em inglês como toda a obra de Chatterjee, carrega o subtítulo “Uma história indiana”. Trata-se de uma crônica da vida cotidiana pela qual passa uma coleção de personagens das mais diversas extrações, todos com um toque ridiculamente desconfortável, do qual não escapam o protagonista nem suas relações mais próximas. No quarto em que Agastya se hospeda, os mosquitos voam para todos os lados, as lagartixas caem do teto, uma rã faz do banheiro o seu lar. A comida é intragável e suspeita. Agastya anda por ruas sem saneamento básico. Numa das passagens mais sérias e tristes do livro, ele visita uma colônia de leprosos. Em outra, crianças são mergulhadas com cordas num poço para colher em baldes a água lamacenta. 

______________________________________________________________________________________ 

SOBRE A EDIÇÃO    

A edição traz um glossário de palavras faladas na Índia e empregadas no texto e um posfácio do premiado escritor indiano Akhil Sharma. O projeto gráfico é assinado por Mateus Valadares.  

Inglês, August sai pela coleção Ilimitada. 

Autor(a)

Chatterjee nasceu em 1959 no estado indiano de Bihar. Aos 24 anos, como seu personagem, ingressou no serviço administrativo indiano, do qual se aposentou voluntariamente. Trabalhou nos ministérios da Defesa e de Desenvolvimento de Recursos Humanos. Durante anos ele escreveu diariamente, a mão, nas primeiras horas da manhã. Começou como escritor publicando contos avulsos e aos 29 anos estreou no formato longo com Inglês, August, adaptado para o cinema em 1994 pelo diretor Dev Benegal. Um ano depois da publicação do primeiro romance, fez residência na Universidade de Kent, no Reino Unido. 

O segundo romance de Chatterjee foi The last burden, de 1993. Publicou depois uma sequência de Inglês, August (The mammaries of the welfare estate, 2000), Weight loss (2006) e uma sequência de The last burden (Way to go, 2010). Seus contos foram reunidos em Fairy tales at fifty (2014). Em 2008, foi premiado como oficial da Ordre des Arts e des Lettres do Ministério da Cultura da França por sua contribuição à literatura.

Ficha Técnica

Informação Adicional

PDF primeiras páginas Clique aqui para visualizar
Dimensão (cm) 15 x 23,5 x 2,5
Peso (g) 584
Ano de Publicação 2022
Número de Páginas 352
Encadernação e Acabamento Capa dura laminada com gofragem e corte pintado
ISBN 978-65-86398-86-1
Escritor(a) Upamanyu Chatterjee
Tradutor(a) José Geraldo Couto
Ensaísta(s) Akhil Sharma
Designer Mateus Valadares
Ilustrador(a) Não
Idioma Original Inglês
tradutor_ensaio Não

Formas de Pagamento

formas de pagamento

Livro Acessível

Selos de Segurança

selo segurança - site seguro

Aguarde...

ou
ou