Digite e aperte "Enter".
x Fechar

Carrinho

Infelizmente você ainda não possui produtos no seu carrinho.

Continuar comprando
Fechar icon_close

Vladimir Korolenko

Vladimir Korolenko (1853 – 1921) nasceu no sudeste do Império Russo, em Jitómir, atual Ucrânia – uma região multicultural, que passou pelo domínio russo, polonês e ucraniano, onde ele situa essas duas novelas. Com vinte anos, foi estudar em Moscou, onde se envolveu com movimentos estudantis – o que lhe rendeu uma deportação para a Sibéria. Foi lá, durante o exílio, que começou a escrever. Preocupado em denunciar injustiças sociais e sofrimentos humanos, o escritor é considerado um precursor da literatura proletária. Chamado por seus contemporâneos de “consciência de nossa época”, obteve tanto a aceitação popular como a dos meios intelectuais.

Compartilhe icon_share

Caixa Korolenko

Vladimir Korolenko

Disponível: Em estoque

R$ 124,90
6x de R$ 20,82 no cartão sem juros
Calcule o frete:

Ficha Técnica

Dimensão 13 x 18 cm
Volume 2
Idioma Português
ISBN 978-85-69002-13-0
Número de páginas  120 (Em má companhia)
Número de páginas  208 (O músico cego)
Peso 565 gramas
Ano de publicação 2016
Acabamento Capa dura com luva                                
Tiragem 1.000

Saiu na imprensa

Jornal Rascunho - Um russo sensível - 12/2016

O Estado de S. Paulo - Nova caixa retoma a obra densa e refinada de Vladimir Korolenko, por Aurora Bernadini - 05/08/2016

O Diário do Norte do Paraná - Na companhia de Korolenko & Carambaia, por Ademir Demarchi - 16/06/2016

Uai - Brasil começa a conhecer a obra do escritor russo Vladimir Korolenko, por Pablo Pires Fernandes - 29/04/2016 

Página cinco - Russos "esquecidos", dentre eles um Nobel, retornam às livrarias do país, por Rodrigo Casarin - 29/03/2016

O Globo - Livros da semana - 26/03/2016

 

 

Sinopse

Os livros Em má companhia – memórias de infância de um amigo meu e O músico cego, que compõem esta caixa, são essenciais para conhecer melhor a obra de Vladimir Korolenko (1853–1921), considerado por Liev Tolstói “um dos principais contistas da literatura de língua russa” e comparado a Charles Dickens pelo crítico Otto Maria Carpeaux.


 


Korolenko nasceu no sudeste do Império Russo, em Jitómir, atual Ucrânia – uma região multicultural, que passou pelo domínio russo, polonês e ucraniano, onde ele situa essas duas novelas. Com 20 anos, foi estudar em Moscou, onde se envolveu com movimentos estudantis – o que lhe rendeu uma deportação para a Sibéria. Foi lá, durante o exílio, que começou a escrever. Preocupado em denunciar injustiças sociais e sofrimentos humanos, o escritor é considerado um precursor da literatura proletária. Chamado por seus contemporâneos de “consciência de nossa época”, obteve tanto a aceitação popular como a dos meios intelectuais.


 


Em O músico cego, sua obra mais conhecida, Korolenko conta a história de Piótr Popélski, garoto que nasce sem enxergar. A novela mostra a trajetória do menino, suas sensações e reações, entre a luz e a escuridão, e sua sensibilidade e aptidão em relação à música. A narrativa, delicada, foi assim avaliada pelo crítico russo Alexandre Skabitchevsky: “O músico cego é a última palavra da perfeição, uma das obras mais admiráveis com as quais o mundo literário já pôde contar. Impossível pensar em um tema tão simples, com menos artifícios, e ao mesmo tempo uma análise psicológica mais profunda”.


 


Em má companhia – memórias de infância de um amigo meu retrata a amizade de um garoto, filho de um juiz rico, que se envolve com uma turma de meninos de outro estrato social. Por meio dessa amizade, o autor aborda sentimentos básicos de compaixão e compartilhamento, temas que sempre estiveram presentes em seus textos.


 


Tradução: Klara Gourianova


Projeto gráfico: Elisa von Randow

Veja mais

Leia trecho

Baixe o PDF e leia trecho da obra gratuitamente

Download das páginas

© 2016 Editora Carambaia EIRELI | CNPJ: 19.868.501/0001-12 - Rua Américo Brasiliense, 1.923, conj. 1502 - Chácara Santo Antônio - São Paulo / SP - 04715-005

Desenvolvido por: